Esta página fornece informações sobre os padrões para a ortografia e a capitalização utilizadas na UESPWiki. Ela cobre algumas das diretrizes gerais usadas para determinar a ortografia apropriada, e também provê uma compilação de algumas das palavras escritas incorretamente com mais frequência.

Geral

A UESPWiki é escrita usando o Português Brasileiro. Apesar de contribuições escritas em outras versões do Português (por exemplo, o Português Europeu) também serem bem-vindas, essas contribuições serão revisadas posteriormente para corresponder com os padrões do site; Escritos Brasileiros não devem ser trocados por escritos Internacionais. A consistência é particularmente importante em mídias eletrônicas como a wiki: uma pesquisa feita com a palavra "ação" não encontrará páginas que tenham "acção". O Português Brasileiro foi escolhido pois é a versão mais utilizada pelos grupos maiores da fanbase de Elder Scrolls. Páginas de redirecionamento (e.g., Lore:Crónicas dos Cinco Companheiros) podem ser criadas para palavras mais comuns.

Os jogos Elder Scrolls usam muitos nomes e palavras únicos. A grafia de todas as palavras de Elder Scrolls devem ser como as usadas no jogo, mesmo que difiram da grafia comum do Português. Quando existir discrepância, a grafia vista em jogo (e.g., diálogos, livros e inventários) deve ter preferência sobre qualquer uma vista em outro lugar (e.g., identificadores e scripts internos). Casos onde múltiplas grafias de uma palavra sejam conhecidas estarão listados posteriormente nesta página.

A capitalização deve, em geral, seguir as regras do Português. Alguns pontos notáveis:

  • Em orações, a primeira palavra e qualquer nome próprio devem ser capitalizados.
  • Em títulos e subtítulos, a primeira palavra deve ser capitalizada, e artigos, preposições e conjunções (como de, os ou portanto), a não ser que no início do título, nunca devem ser capitalizados.
  • Quaisquer substantivos próprios do jogo devem ser capitalizados (e.g., Foyada Mamaea).
  • Quaisquer títulos jogo jogo (como títulos de missões) devem corresponder à capitalização usada em jogo, mesmo que difira da capitalização padrão.
  • Pontos cardeais devem ser usados em letra minúscula exceto se parte do nome de um lugar (e.g., nordeste, mas Weald do Oeste).
  • Ao se referir a divisões de humanoides e suas alternativas comuns, como homem, mer e elfo, elas não deve ser capitalizadas a não ser que estejam no início de uma oração, ou em outras instâncias onde a gramática dita que devem ser.
  • Ao se referir às raças que são membros destas divisões, sempre capitalize-as. Isso inclui:
    • Todas as raças élficas: Altmer/Alto Elfo, Dunmer/Elfo Negro, Dwemer/Anão, Falmer/Elfo da Neve, Orsimer/Orc, etc.
      • Como orcs eram considerados monstros no Arena e no Daggerfall, menções de orcs nos artigos destes espaços nominais não são capitalizadas por padrão.
    • Todas as raças humanas: Bretão, Imperial, Nord, Rubraguarda, etc.
    • Raças bestiais: Argoniano/Saxhleel, Khajiit.
    • O mesmo padrão se aplica a todas as raças atualmente não-jogáveis, como Imga, Kothringi e Tsaesci.
    • Todas as versões de itens que incluam identificadores raciais devem ser capitalizadas, como armadura Dwemer, espada Órquica e escudo Falmer, mas não adaga élfica.

Livros

O texto do livros é escrito a partir do verbatim dos jogos. Erros tipográficos e gramaticais no texto não devem ser corrigidos, a não ser que a correção seja absolutamente necessária para o entendimento do livro. Quaisquer mudanças devem ser documentadas (numa nota na introdução do livro, por exemplo).

Citações

Qualquer texto diretamente citado do jogo deve ser copiado no verbatim, bem como nos Livros. Erros gramaticais e tipográficos não devem ser corrigidos, a não ser que correção seja absolutamente necessária para o entendimento da citação. A predefinição Sic pode ser usada para clarificar que o erro não é do artigo e sim do texto original do jogo. A palavra sic significa "assim" ou "desta forma" em latim, e é comumente usada em jornais para indicar que um erro gramatical ou ortográfico estava presente na passagem citada e não foi introduzido no artigo do jornal.

Nomes Próprios

Existem vários casos onde os nomes de locais ou itens específicos contêm erros tipográficos. Por exemplo, Oblivion tem uma Adaga do Ladrões; o NPC Istirus Brolus vive na Casa de "Istrius" Brolus. A grafia de nomes próprios nunca deve ser alterada; a wiki devem manter exatamente o que é visto em jogo.

Palavras específicas

Esta seção fornece uma lista de palavras que são normalmente escritas de forma incorreta na wiki. Este não é um guia de soletração: editores devem usar um dicionário comum para determinar a ortografia apropriada do Português ou usar a função de busca para palavras específicas dos jogos Elder Scrolls.

Palavras gerais

  • ação: a grafia brasileira deve ser usada, e não a europeia (acção). O mesmo vale para outras palavras como "crônica", "suco", etc. Exceções são feitas para escritos usados nos jogos.
  • NPCs, NPC's: o termo "NPC" (Non-Player Character / Personagem Não-Jogável) deve ser usado como substantivo. Portanto, a forma pluralizada correta é "NPCs" e não "NPC's". "NPC's" é a forma possessiva usada na língua inglesa, e nunca deve ser usada em um texto escrito em português. Adicionalmente, a forma correta de usar é "um NPC" e não "uma NPC".

Palavras usadas na série Elder Scrolls

  • Boethiah, Boethia: a primeira forma é usada no Daggerfall, Morrowind e Skyrim, e a segunda é somente usada no Oblivion.
  • Cyrodiil, Cyrodílico: como um substantivo, o nome da província é sempre escrito com dois 'I's. Como um adjetivo, o 'I' único, "Cyrodílico", é mais comum, e, portanto, a forma preferida da wiki. O 'I' também deve estar sempre acentuado com o agudo por conta da província.
  • Daedra, Daedroth, Daedroths, Daédrico: no uso tradicional, "Daedra" é a forma plural de "Daedroth". Entretanto, este uso é, aparentemente, arcaico, e difere do uso mais como do Morrowind e do Oblivion. Ao se referir a qualquer criatura dos planos de Oblivion, "Daedra" é usado como ambos plural e singular. Por exemplo, "Um Daedra gerado randomicamente é encontrado na sala" ou "Há muitos Daedra nesta área". Isso também se aplica a nomes compostos usando a palavra "Daedra"; por exemplo, "Aranha Daedra" é usado em ambos plural e singular. Ao se referir à espécie reptiliana, "Daedroth", é a forma singular e "Daedroths" é a forma plural. A capitalização da palavra "Daedra" e derivados é extremamente inconsistente no jogo, mas é mais comumente capitalizada. A não ser que citando diretamente dos jogos, a palavra deve sempre ser capitalizada. "Daedra" também pode se referir a várias deidades, apesar de ser mais comum o termo "Príncipe Daédrico". "Princesa Daédrica" quase nunca é correto, mesmo para os Príncipes geralmente considerados femininos, apesar de algumas exceções existirem à regra. Como adjetivo, por conta da pronúncia, o 'E' deve sempre ser acentuado com agudo.
  • Ayleid, Aylêidico: por conta das regras de acentuação e pronúncia da língua portuguesa, Aylêidico deve sempre levar circunflexo no 'E'.
  • draugr: a forma plural correta de "draugr" é "draugr", sem 's' no final.
  • liches: a forma plural correta de "lich" é "liches", com um 'e'.
  • Magia, Magicka: ambas as palavras são usadas no Oblivion, mas o significado delas é diferente. "Magicka" se refere á energia usada para feitiços, por isso os efeitos Absorção de Magicka, Fortificação de Magicka e Restauração de Magicka. "Magia" se refere ao dano outros efeitos detrimentais (não-elementais) que podem ocorrer como resultado de um feitiço, por isso os nomes dos efeitos Resistência a Magia ou Fraqueza a Magia. Skyrim continua este uso: Absorção de Magicka, Fortificação de Magicka, Restore de Magicka, vs. Restauração de Magia, Fraqueza a Magia. No Morrowind, a grafia de "Magicka" é usada em todos os casos: Absorção de Magicka, Fortificação Magicka, Restauração de Magicka, Resistência a Magicka, Fraqueza a Magicka, etc.
  • Udyrfrykte, Uderfrykte Matron, Udefrykte: no Morrowind (especialmente em Bloodmoon), o nome desta criatura é "Udyrfrykte"; isso também é o mais próximo das palavras-fonte em norueguês. Entretanto, no Oblivion, a criatura se chama "Matriarca Uderfrykte", e uma terceira forma é usada no Skyrim, "Udefrykte". Em cada caso, o nome deve ser usado como o jogo usou.
  • Vaermina: o nome deste Príncipe Daédrico é escrito tanto como "Vaermina" quanto como "Varnima" em vários livros e fontes. Apesar disso, "Vaermina" é a forma mais comum, e, portanto, a preferida da wiki. Usa-se "Vaernima" somente quando a fonte original usar esta forma.

Palavras específicos a um jogo

  • Ald'ruhn, Ald-ruhn: o apóstrofo é usado em todos os diálogos e no mapa em papel desta cidade do Morrowind, mas os nomes das células, e, portanto, todos os scripts e comandos de console que se referem a ela, usam a forma com hífen por conta de conflitos que o apóstrofo causa como um caractere reservado (além disso, em alguns casos, o 'R' é capitalizado). O site escolheu usar o nome contido nos diálogos: "Ald'ruhn", e outras grafias podem redirecionar a ela.
  • Assurnabitashpi, Ashurnabitashpi: esta é uma rara instância de uma obscura localização do Morrowind que é escrita de duas formas diferentes nas células interiores e exteriores (provando que mesmo os desenvolvedores têm dificuldade com os nomes dos Grisermantes) Ambas grafias são aceitáveis, mas a primeira é a usada para a página do site, e a segunda redireciona para ela.
  • Methredhel: o nome de Methredhel está escrito incorretamente sem o segundo H nos diálogos de Armande Christophe, mas é escrito inconsistentemente com o H em todos os outros lugares. A não ser que em uma citação a este diálogo, a palavra deve ser escrita com dois Hs.

Veja também

  • Começando - Um guia para novos editores.
  • Guia de Estilo - Diretrizes gerais sobre como escrever, formatar e apresentar páginas.
  • Erros Comuns - Alguns erros que devem ser evitados quando contribuindo.
  • Políticas e Diretrizes - Regras importantes que você deveria se familiarizar antes de iniciar a edição.
  • Namespaces - Nossas políticas sobre o uso dos namespaces.
  • Categorias - Um guia sobre a criação de categorias.